Seguidores

terça-feira, 12 de março de 2013

A LEI DO AMOR

A ideia fundamental do Cristianismo é que os Homens se relacionem entre si com AMOR.
Devemos viver uns com os outros numa atitude de irmandade. A Lei do Decálogo é a representação do AMOR. O que se pretende é erradicar a morte do Homem pelo Homem, que nunca mais um ser humano seja capaz de matar outro. A relação entre os humanos deve ser de afeto e não de violência. Deve pensar-se na criação de uma geração de pacificadores, até porque a violência é um comportamento que não é intrinsecamente humano.

É certo que, pela sua origem animal, o Homem tem muita dificuldade em distinguir o BEM do MAL. Se bem que se possa dizer que o mundo atual já é bastante mais pacífico do que era há uma centena de anos.

Segundo o Pde. Vaz Pinto, «O problema do MAL é, hoje e em todos os tempos, a grande questão da Humanidade, o grande escândalo.(...) Em todos os tempos e em todos os quadrantes, culturas e civilizações, sempre o Homem «embateu» contra o MAL, em si e à sua volta, se interrogou sobre ele e procurou responder-lhe, teórica e praticamente...». «O MAL existe, o MAL abunda, o Homem está rodeado de MAL,(...)doença, morte, egoísmo, perversão, tortura, fome, injustiça, cataclismos, violências, opressão, guerras...Mais ainda, o MAL está dentro do próprio Homem».
Então, e a DIGNIDADE HUMANA?

Gabriel Marcel diz que compete a cada ser humano, no meio em que vive, através da sua profissão, encetar «uma luta sem descanso pela DIGNIDADE HUMANA contra tudo o que hoje ameaça aniquilar o Homem e a sua DIGNIDADE.»
As profissões onde esta luta é mais necessária são as que estão ligadas às Bioéticas e à Medicina.

16 comentários:

Marte disse...

A finalidade da vida é ser FELIZ, mas são raras as pessoas que conseguem experimentar a felicidade. Complicaram nossa vida, visto que fizeram com que participássemos de uma educação e uma estrutura socioeconómica que não nos ajuda em nada para alcançar esse fim e a paz interior. Mas, exatamente o contrário, em vez de nos ajudar a ser livres e felizes nos escraviza mais a cada dia e nisso contribuem tanto os fatores exteriores como os interiores (o ego).
Estamos num mundo onde nem todos querem e tentam fazer o bem alheio. Vivemos numa sociedade educada, mas baseada na concorrência e na economia de mercado, isto é: «o que importa para mim é eu poder ter dinheiro e estar bem». Não importa o método nem as consequências, se os outros não perceberem de forma evidente. Vivemos a sociedade e a economia do Ego, do eu, do individualismo.
Mas podemos começar a tornar-nos conscientes de nós mesmos, e então começaremos a perceber o que é real e, o que é passageiro e mundano. Estas pessoas que se sentem superiores porque são ricos ou governam o mundo não são nem mais nem menos que nós, nascem, adoecem, sofrem e morrem como nós.
Temos que entender que a felicidade é um estado interior relacionado com a consciência, nunca é o resultado de dar satisfação e soltar as rédeas para o ego animal, que sempre complica mais nossa vida.

manuela barroso disse...

Sabes querida Beatriz, fizeste lembrar os nossos tempos da Universidade em que aquando do estudo da obra de Voltaire, ele dizia que o Homem nasce bom, a sociedade é quem lhe transmitia a maldade, tornando-o mau... Não sei se o Homem é essencialmente bom... O que se verifica é que a maldade dele utrapassa em muito os animais razão pela qual se diz que quanto mais conheço os homens mais gosto do meu cão. Aqui, contamos com a fidelidade( quando não atraiçoa como já vê ultimamente- mas ainda aqui com a interceção da biogenética). Resta a cada um fazer mais pelo Amor que é a base de TUDO. Esta é a mensagem maior de todas as doutrinas. De ocidente a oriente. De santos a ateus e agnósticos.Quem ama, perdoa. Quem ama sorri. Quem ama tem momentos de felicidade que mais não é que a paz interior capaz de transmitir a bondade de um sorriso. Simples!
Aquele abraço, filósofa!

lis disse...

Oi Beatriz
Vivemos em tempos tão maus que o homem não mais consegue distingui-los e se adaptou a situações que antes considerava impróprias.
A cada dia a conivência vai se tornando maior num crescente e os maus já não são tão maus.A própria moralidade mudou causando tudo que vemos diariamente.
Só há esperança no amor inserido na frase de que "Deus e Amor'e só se amarmos uns aos outros como Deus nos ama é que haverá harmonia na Terra.
Muito boa mensagem Beatriz Obrigada da visita.
beijos

✿ chica disse...

Gostei muito de te ler e o amor anda fazendo muita falta pois tantas coisa mesmo que não gostaríamos, não? Lindo teu blog! beijos,chica

Zilani Célia disse...

OI BEATRIZ!
AO LER TEU TEXTO ME VEIO Á MENTE ESTA MULHER, MÉDICA,QUE AO INVÉS DE SE COLOCAR COMO A SALVADORA, SE COLOCOU, EM SUA SOBERBA, E COM UM COMPLEXO EXACERBADO DE "DEUS", NO DEVER DE DECIDIR O MOMENTO EM QUE PACIENTES DEVERIAM DEIXAR DE VIVER.
DESUMANIDADE?
FALTA DE AMOR PELO PRÓXIMO?
FALTA DE RESPEITO PARA COM O OUTRO?
ONDE ELA VIU DIGNIDADE NESTES ATOS?
ABRÇS AMIGA
http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

Dorli disse...

Oi, Querida
A cada dia que passa o homem está ficando mais ganancioso e perverso, digo isso por conhecimento de causa, pois nos tempos atrás, um ajudava o outro e hoje eles estão se matando mutuamente, parece que o amor está ficando fora de moda.
É como sempre digo: é uma briga de foice no escuro. Para quê? Pra morrer?
O nosso tempo aqui na terra é curto e deveríamos nos relacionar com mais amor, mas não é bem isso que acontece: é um atropelando o outro para chegar em primeiro lugar, nem que para isso tenha que matar as ilusões de seu irmão.
Não sei bem, mas acho que estamos caminhando para o fim.
Desculpa o desabafo
Beijos
Lua Singular

Célia Maria de Sousa Arruda Jacobino disse...

Beatriz,
O amor é tudo,mas pelo que vemos o que vem acontecendo com a humanidade, é a falta delê.A religião,a fé parece que se perderam na formação de muitos jovens.Não adianta tampar o sol com a peneira, pois a humanidade no mundo esta matando uns aos outros, sem dó e sem piedade, já não basta os animais.
Mas dentro do nosso limite e conhecimento,ensinamos aos nossos filhos e netos a amar o seu próximo e a crer que o universo tem um poder muito precioso.
Obrigado por visitar o meu blog e estou seguindo o seu.
Tenha um lindo fim de semana com muita luz e paz.
Bjos.
http://www.celiamariadesousarrudajacobino.com

Anne Lieri disse...

Querida Beatriz,vivemos tempos de muitas trevas,é verdade,mas ainda creio na bondade dos homens e vamos vencer essa fase com muita oração,amor e luz,se Deus quiser!Muito linda sua postagem!bjs e bom final de semana!

Carlos Rímolo disse...

Querida amiga Beatriz !!!

Muito me honrou a sua visita ao meu Blog. Obrigado pelo carinho para comigo e meus Trabalhos. Seu texto é bastante interessante, reflexivo e elucidativo em relação a esses tristes momentos atuais. A decadência da vida humana. A falta de dignidade, respeito e amor ao próximo.
Beijos de luz!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

POETA CIGANO – 24/03/2013

http://carlosrimolo.blogspot.com
“Poesias do Poeta Cigano”

Dorli disse...

Oi, querida
A maldade está dentro do coração do ser humano, é uma corrida para chegar a lugar algum.
Violências sempre houve( imagine no Império Romano) e muito piores que as de hoje e assim caminha a humanidade para o caus
Obrigada pela visita
Lua Singular

Zilani Célia disse...

OI BEATRIZ!
VOLTEI AQUI, PARA TE DIZER QUE GOSTARIA MUITO DE TER LEVADO UM BELO RAMALHETE DE ORQUÍDEAS PARA TUA FILHA A MARTA,TENTEI, MAS NÃO CONSEGUI ENTRAR EM SEU BLOG, MAS DIGA PARA ELA QUE LHE ENVIO UM GRANDE ABRAÇO POR SEU ANIVERSÁRIO E QUE LHE DESEJO TUDO DE BOM.
PARABÉNS AMIGA, POIS QUANDO UM FILHO NOSSO ANIVERSARIA, O FESTEJAMOS JUNTO.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br

Benó disse...

Quero agradecer a sua visita ao meu Jardim d'abrolhos.
O seu blogue é um encanto. O homem tem dificuldade em distinguir o bem do mal e creio que numa maneira geral,a evolução em sentimentos não tem sido nenhuma. Continua a matar, a maltratar, a guerrear. Continua a fome,a podridão humana, o ódio.
O mundo precisa de renovação.

Dorli disse...

Oi. Querida
Que nessa Páscoa você consiga concretizar todos os seus anseios.
Uma Feliz Páscoa para você e sua família.
Obrigada
Beijos
Lua Singular

Gracita Fraga disse...

Oi minha amiga amada
Como o amor tem feito falta. Hoje encontramos corações repletos de maldade, falsidade,egoísmo e tudo que se relaciona ao péssimo caráter de uma pessoa. Infelizmente as pessoas esqueceram como é bom doar amor sem pedir em nada em troca. O que temos recebido são bofetadas recheadas de rancor e maldade.
Beatriz amada... Que a páscoa renasça em seu coração e você comungue sentimentos puros de amor, fraternidade e carinho. Que a páscoa seja uma celebração da vitória pela ressurreição e uma vida realmente nova aconteça a cada novo amanhecer. Que a comunhão do amor e a paz sejam abundantes em teu coração e Cristo permaneça vivo em tua vida. Que Jesus ilumine teus caminhos para que a felicidade seja uma constante nas veredas da tua existência. Uma feliz e abençoada páscoa para você e sua família.
Beijos de chocolate recheados com carinho e afeto
Gracita

Ps: Vou deixar meu e-mail. faça contato comigo! mgfragasantos@yahoo.com.br

Arione Torres disse...

Oi amiga querida,
Vim lhe desejar uma páscoa recheada de coisas boas!
Ah! Tem um selinho de 500 seguidores no meu blog, se você ainda não pegou, passe-lá e pegue o seu!
http://arionetorres.blogspot.com.br/p/selinho-comemorativo-de-500-seguidores.html
Beijos e tenha um ótimo dia!

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Olá, Beatriz!
Primeiro quero dizer que considero o tema tratado, bem oportuno, para o memento da Páscoa e pela mudanças que ocorrem no mundo.
Penso que o homem nasce com seu "quinhão" de maldades e de bondades.
A vida me sociedade, é que vai determinar qual parte ele vai desenvolver mais e melhor.
Há de se convir que a população mundial vem crescendo e, junto os meios de comunicação. Então, a gente fica a par do que é bom e do que é ruim que vai acontecendo. Assim, não vejo que o homem ficou mais mal. Tudo tem proporcionalidade.

Quanto à minha demora em vir aqui, também é proporcional às pessoas que sigo e que me seguem. Frequento tantos espaços que, às vezes me descuido e me ausento muito. Gosto de todos!
A Páscoa, apenas iniciou...segue até "Corpus Cristi", segundo a Igreja Católica. Feliz período pascal! Obrigada, pelo carinho!
Beijos,
da Lúcia